Navios da Marinha abertos à visitação no Pier Mauá

Navios da Marinha abertos à visitação no Pier Mauá

Como parte das comemorações dos 200 anos da Esquadra brasileira, cuja criação ocorreu concomitantemente com a independência do país, o Pier Mauá recebe nos dias 03, 04 e 08 de setembro navios da Marinha que poderão ser visitados gratuitamente.

O público terá acesso ao Capitânia da Esquadra, o Navio Aeródromo Multipropósito – NAM “Atlântico” e ao Navio Veleiro “Cisne Branco”, nos dias 3 e 4, e às Fragata Rademaker e Corveta Júlio de Noronha, assim como ao navio Navio Escola “Sagres”, da Marinha Portuguesa, no dia 8 setembro.

Interessados devem realizar a inscrição antecipada no site  www.200anosdaesquadra.marinha.mil.br .

Além dos navios, o evento conta com estandes das Organizações Militares subordinadas ao Comando em Chefe da Esquadra, tais quais: Comando da Força Aeronaval, Comando da Primeira Divisão da Esquadra, Comando da Segunda Divisão da Esquadra, Comando da Força de Superfície, Comando da Força de Submarinos, Base Naval do Rio de Janeiro, Centro de Intendência da Marinha em Niterói, Centro de Apoio a Sistemas Operativos, Centro de Manutenção de Embarcações Miúdas e Unidade Médica da Esquadra.

Sobre os navios:

Navio-Aeródromo Multipropósito “Atlântico” (A140)

O Navio-Aeródromo Multipropósito “Atlântico” possui capacidades adequadas à complexidade das operações anfíbias e aéreas. Incorporado à Marinha do Brasil em 2018, ainda sob a classificação de Porta-Helicópteros, o NAM “Atlântico” foi designado como o Capitânia da Esquadra brasileira e, entre outras importantes características, tem a capacidade de transportar até 16 aeronaves e cerca de 750 Fuzileiros Navais.

 

Navio Veleiro “Cisne Branco” (U20)

Destina-se a apresentar a cultura e as tradições navais brasileiras e realizar instruções  marinheiras, além de representar o país em eventos nacionais e internacionais, o que o faz ser conhecido como a “Embaixada Brasileira no Mar”.

 

 

Fragata Rademaker

 

A Fragata Rademaker (F49), atualmente a única pertencente à Classe Greenhalgh, possui como principais armamentos dois lançadores duplos de mísseis Exocet MM-40 e dois lançadores sêxtuplos de mísseis antiaéreos Sea Wolf, com capacidade de prover defesa de ponto.

 

 

Corveta Julio de Noronha 

Fabricada no Brasil, a Corveta Júlio de Noronha (V32) é pertencente à classe Inhaúma e possui armamentos e sensores que a capacitam para guerra antissubmarina, de superfície e antiaérea.

 

 

NE Sagres

Cedido pelo Brasil, o NRP Sagres é o navio mais condecorado da Marinha Portuguesa e o único a ostentar condecorações estrangeiras no respectivo estandarte nacional. (Fonte Marinha Portuguesa/site)

 

 

 

Serviço:

Local: Edifício Touring – Praça Mauá, nº 02, Zona Portuária – Centro, Rio de Janeiro – RJ

Data: 3, 4 e 8 de setembro de 2022

Horários: das 9 às 17h

Entrada: gratuita

Inscrições: www.200anosdaesquadra.marinha.mil.br



X