Por dentro de um cruzeiro

Por dentro de um cruzeiro

Os cruzeiros já chamam a atenção pela grandiosidade e quantidade de atividades que proporcionam em alto mar, não é?  Tem teatro, piscina, salão de festas, academia, salão de beleza e spa, cassinos e o que mais você puder imaginar. Mas selecionamos algumas curiosidades que você precisa saber. Vamos lá?

1) A moeda oficial é o dólar

A moeda aceita em todo cruzeiro é o dólar, independentemente do país de origem ou se ele fica em um só país. Por isso, é necessário que você possua um cartão de crédito internacional e, se quiser levar real em espécie, lembre-se que será convertido para o valor do dólar do dia.

2)  Há uma “cidade” nos bastidores

Há uma cidade por trás das portas dos cruzeiros que só a tripulação tem acesso. Existe lavanderia, refeitório, diversos corredores para as cabines e alguns navios têm até uma pequena piscina, academia e lojinha.

3) O Cassino tem regras

A jogatina só rola enquanto o navio estiver em movimento. As compras no Duty Free, infelizmente, também. Sendo assim, aproveite para curtir bastante esses momentos.

4) Preciso dar gorjeta?

Na maioria das viagens os tripulantes solicitam gorjeta quando prestam algum serviço. É um ato bastante comum em cruzeiro, porém, no seu pacote, já está incluso esse valor.

5) Quem manda no navio?

A autoridade máxima a bordo de um cruzeiro é o capitão. Fica a cargo dele todas as decisões tomadas a bordo. Outra curiosidade é que a velocidade média de um navio varia entre 30 e 60 km/h.

6) Piscinas do navio

As piscinas do navio são abastecidas com a água do mar, ou seja, água salgada. Essa água é substituída diariamente. Já as jacuzzis, são de água doce.

7) O navio balança muito?

É inevitável: o navio balança. É um fato! Por isso, leve consigo remédios para enjoos ou procure o centro médico para ser atendido, contudo o medicamento será cobrado e o custo é bem elevado.

8) Espaço reservado para reciclagem e descarte do lixo

O lixo do navio é obrigatoriamente separado. Levam muito a sério essa questão. Todo o lixo vai para o ‘garbage room’, que é um local especializado para reciclagem e descarte de materiais. Tem uma equipe que trabalha lá fazendo esse processo e quando o navio atraca, todo o lixo é transportado para o porto.

9) Crime a bordo?

Caso ocorra algum problema a bordo, não se preocupe! Todo navio possui um centro médico e uma prisão.

10) Atividades no navio

Há muitas atividades para fazer dentro do navio. Se você quer ficar por dentro de tudo e aproveitar ao máximo a sua estadia, leia o folheto de bordo que será entregue todos os dias na sua cabine. Lá você confere as atividades e horários que elas irão ocorrer, bem como as dinâmicas relacionadas ao evento.

11) Número 13

Sabemos que o número 13 possui vários significados e não seria diferente em alto mar. Em nenhum cruzeiro do mundo você vai encontrar nas cabines, nos botes salva-vidas ou nos bares o número 13.

12) Internet

Dentro dos navios não há wi-fi. Caso você deseje ter acesso a internet, é necessário contratar um serviço a bordo. A taxa não é barata e, às vezes, nem compensa tanto. Melhor curtir a viagem e ficar um pouco off, concorda? 🙂

13) Necrotério

Há um espaço para corpos de pessoas que morrem durante a viagem com câmaras refrigeradas. Dependendo do tamanho do navio é mais de uma, mas esse é um espaço reservado para as equipes especializadas como médicos e tripulação de apoio. Muitas vezes, acontecem mortes de passageiros e o resto da tripulação acaba nem sabendo. Geralmente, são idosos que morrem de infarto, morte súbitas e coisas do tipo.

Gostou? Bem curioso, né?



X