Pier Mauá recebe 67 mil turistas só em março

Pier Mauá recebe 67 mil turistas só em março

Pier Mauá mantém operação marítima em ritmo acelerado durante o mês de março. De 03 a 30 o local receberá 20 embarcações, sendo oito internacionais, com previsão de chegada de mais de 67 mil turistas. Dentre estes navios estrangeiros, três estarão pela primeira vez em águas cariocas, são eles: Amera, Hanseatic inspiration e Koningsdam.

 

Nesta temporada 2019/2020 o Pier Mauá está recebendo o maior número de transatlânticos internacionais dos últimos 20 anos!

Para Alexandre Gomes, gerente de operações do Pier Mauá, o Rio de Janeiro tem se consolidado como destino internacional de turismo marítimo. “A maioria dos navios que passa por aqui é de longo curso, ou seja, visita a cidade no meio de roteiros mais longos, em grandes travessias internacionais”.

 

O MSC Fantasia fica baseado no Rio até o dia 09 de março (quando parte para sua viagem de retorno à Europa). Com capacidade para 4.300 passageiros, a embarcação realiza minicruzeiros de três a cinco noites pelo Sudeste, viagens de até seis noites para Salvador e Ilhéus, e de até nove noites para Buenos Aires e Montevidéu.

 

O MSC Musica vem ao Pier Mauá três vezes também fazendo itinerários curtos de ida e volta à América do Sul, sendo sua última viagem no dia 28 fazendo travessia com o tema cruzeiro de Páscoa indo para Veneza.

Já o Costa Pacifica, Sinfonia, Seaview, Costa Fascinosa e Poesia vem apenas uma vez durante o mês o março, a maioria já com viagens de travessia.

 

Navios internacionais 

Durante este mês oito navios internacionais passarão pelo porto da Cidade Maravilhosa. São eles: Silver Shadow, Insignia, Viking Jupiter, Seabourn Quest, Coral Princess. E pela primeira vez no Pier Mauá: Amera, Hanseatic Inspiration e Koningsdam.

O número de turistas estrangeiros ao Rio vindo de transatlânticos vem crescendo a cada temporada.

“Fica claro que o turista internacional começa a olhar de novo para o Rio. Uma coisa bacana é que o turista chega, passeia, conhece os pontos turísticos e depois ele volta para conhecer o Rio de Janeiro com mais calma. Só esta temporada trará R$ 500 milhões para a economia do Rio”, estima Alexandre.



X