Jardim sensorial no CCBB-Rio

Jardim sensorial no CCBB-Rio

Quem for passear no CCBB-Rio até o dia 24 de janeiro será recepcionado por um imenso jardim sensorial, feito de luz, uma paisagem virtual, samambaias, flores e folhas digitais movidas pelo vento, tempestades, pássaros e tudo o mais que a imaginação permitir e perceber. É a instalação site specific “Floras”, composta de 50 animações geradas por processos algorítmicos de grande força pictórica. A mostra é assinada por Rejane Cantoni, uma das artistas brasileiras com mais inserções internacionais em mostras de arte eletrônica e digital.

Floras é desenhada para refletir sobre natureza e tecnologia blockchain, cryptoart e NFTs. A série, um conjunto abstrato de reverberações factrais, explora formas orgânicas de grande impacto visual e força cromática.

O programa digital atualiza a visualização da obra por meio de duas regras combinatórias: atração e repulsão. A função dessas regras é reconfigurar continuamente o todo, a partir da interação entre as partes, o que significa que a instalação está em constante transformação. O mesmo espectador pode retornar a ela infinitas vezes, e ela nunca será a mesma.

E olha só que bacana!!!! O público também é convidado a contribuir para a evolução da obra através do perfil do projeto no Instagram, @nft_floras. Quando o visitante dá um “like” em um dos vídeos do perfil, o programa interpreta o “like” e, como resultado, novos vídeos serão gerados considerando essa informação. Muito legal, né? Então não perca tempo e vá curtir a mostra!

Sobre Rejane Cantoni

A artista Rejane Cantoni vem desbravando ao longo de sua trajetória, uma profunda investigação artística sobre a aplicabilidade de novas tecnologias na expansão da percepção daquilo que pode ser absorvida como expressão visual nas artes. Seus trabalhos sempre tiveram uma âncora na possibilidade de interação com o público em instalações táteis, físicas e digitais. Usando um repertório tecnológico experimental e amplo, de grande apelo imagético e sensorial, a artista mantém na sua fatura um componente pictórico que de certa maneira é a ponte mais perene de relação entre a criação artística e as pessoas, angariando empatia imediata a seu trabalho.

 

Serviço:
Centro Cultural Banco do Brasil – Rio de Janeiro
Até 24 de janeiro de 2022
Abertura: quarta-feira, 01 de dezembro
Dias e horários: De quarta a segunda das 9h às 20h. A entrada do público é permitida apenas com apresentação da comprovação de vacinação contra a COVID-19 e uso de máscara
Endereço: Rua Primeiro de Março, 66 – Centro, RJ  –  Tel: (21) 3808-2020
Entrada gratuita



X